Sem categoria

Mastopexia

A mais nova técnica de levantar os seios, chamada Mastopexia é conhecida como um procedimento que mascara os efeitos da idade, alterações de hormônios, gravidez, lactação e perdas extremas de peso que qualquer mulher pode sofrer durante a vida. Existem outros métodos de realizar a redução da flacidez dos seios, no entanto, a Mastopexia pode ser considerada um método mais acessível às mulheres que possuem interesse e não possuem vontade em aderir ao silicone.

Abaixo, citaremos mais algumas informações sobre o método citados, a fim de descobrir quais são os benefício e malefícios em aderir a esse programa, contando um pouco mais sobre sua ocorrência, na vida das mulheres e como esse método é realizado.

O que é Mastopexia?

O procedimento de Mastopexia se da pelo procedimento de auxiliar as mulheres a não terem problemas com a queda ou flacidez dos seios. Por conta disso, o método foi criado a fim de auxiliar mulheres com diferentes tipos de mamas, o que significa que o método pode auxiliar mulheres que possuem seios grandes, com grande tendência a flacidez e mulheres com seios pequenos, com chances de possuírem perda do tecido da glândula mamária. Esse procedimento pode ser divido em duas fases: a primeira, onde é feito um corte em formato de âncora para a retirada dos tecidos que aumentam o peso da mama.

Benefícios em aderir a Mastopexia – Mastopexia

Os benefícios que podem ser observados, nas mulheres que aderem a Mastopexia, são inteiramente de cunho estético e, por isso, não é muito praticado, ainda. O procedimento é considerado algo que auxiliará o aumento da auto estima feminina e, além disso, às mulheres que possuem seios grandes, a aquisição desse método pode auxiliar na diminuição de dores nas costas e pescoços, que são condições adquiridas pela ptose mamária. O resultado da cirurgia é imediato.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © 2015 Flex Mag Theme. Theme by MVP Themes, powered by Wordpress.

Voltar topo